Eksperimentalis Som

Durante o ano de 2017 deCurators desenvolveu uma série de eventos experimentais nas áreas de música, cinema, performance, arte conceitual e residência artística, em colaboração com diversos artistas e curadores. Foram eventos que privilegiaram a imersão em determinadas linguagens e/ou temáticas, possuindo um viés didático.

A cada sessão do Eksperimentalis Som, um artista convidado fez uma curadoria musical de caráter experimental; a proposta era escutar música dentro da galeria, no escuro e em silêncio, por cerca de uma hora. No final, as experiências pessoais do público foram compartilhadas com o curador.

Abaixo, artistas convidados por ordem de apresentação:

Phil Jones

PHIL JONES é músico, artista digital e programador, com mestrado em Computational Studio Arts, no Goldsmiths College, Universidade de Londres, em 2011. Trabalha com software e tecnologias de fabricação na área de artes visuais e música para performance e dança. Recentemente foi responsável pela criação da trilha sonora do espetáculo Vidro e Alumínio, do Grupo Margaridas, de dança contemporânea, e performou no Árvore Monstro 3, Funarte, com a peça Zewp!:mansionhouse. Desde 2013, toca, compõe e escreve softwares com a Orquestra de Laptops do Brasília (BSBLOrk) e coordena o grupo MusicHacking, no Calango Hacker Clube de Brasília.

Playlist:

Eufrásio Prates

EUFRÁSIO PRATES é graduado em música e doutor em arte contemporânea (performance) e já viajou por mais de 25 países apresentando suas pesquisas experimentais. É regente da BSBLOrk -Orquestra de Laptops de Brasília, toca em diversos grupos musicais (Gargula, TekilaHell, Duo Torus, TPM, Duo 42) e é produtor de Fractal Dance Music como DJ EuFraktus. Lançou 2 CDs em música eletroacústica e os livros “Passeio-relampago pelas ideias estéticas ocidentais” e “Os conceitos de interpretante na Semiótica de Peirce” (Amazon Books).

Playlist:

Krishna Passos

KRISHNA PASSOS é artista e pesquisador em atividade desde 2001. Com formação em artes visuais e audiovisual é mestre em Arte e Tecnologia (UnB). Seu trabalho traz influencias da performance, da arte sonora, da vídeo-arte, do cinema, da música e da intervenção urbana. Vem participando de salões, residências, prêmios e mostras desde 2001, dentre as quais destacam-se: 2o lugar VII Salão Iate (Premio Aquisição: Acervo do Museu de Arte de Brasília); Participações no SPA das Artes e outra no Amplificadores (PE); Residência Artística Interações Florestais (MG), duas Individuais na Funarte (DF) e o projeto musical 2Finos e um Grave, em parceria com Nonato Natinho. Suas pesquisas artísticas recentes envolves híbridos de arte sonora, musica, vídeo, paisagem sonora, tecnologia explorando as potencialidades física destes elementos.

Playlist:

Leopoldo Wolf

Ausente

Lucio de Araujo

Playlist:

Ramiro Galas

Playlist:

João Lucas

JOÃO LUCAS (Lisboa, 1964) é pianista, compositor e pesquisador. Graduado em piano pelo Conservatório Nacional de Lisboa, colaborou com alguns dos mais importantes criadores do teatro e da dança contemporânea em Portugal, tendo participado como compositor em mais de setenta peças, muitas delas premiadas nacional e internacionalmente. Radicado em Brasília desde 2010, é mestre em Artes pela Universidade de Brasília, na linha de pesquisa de Processos Composicionais para a Cena. E, atualmente, é doutorando na mesma Universidade.

Playlist:

Stefano Luna

STEFANO LUNA é graduando em Audiovisual pela UnB. Lançou o mixtape PINDORAMA, uma narrativa hip hop lo-fi inspirada nos filmes que Herzog filmou na América do Sul, e está atualmente trabalhando no seu primeiro EP, um mix de música ambiente, experimental e pop.

Playlist:

Ianni Luna

IANNI LUNA é doutoranda em Arte e Tecnologia, Mestre em História (2006), Bacharel em Artes Plásticas (2013) e Bacharel em Antropologia (2003), todos os cursos pela Universidade de Brasília. Desde 2008, é professora da Secretaria de Educação do Distrito Federal, tendo atuado nas áreas de sociologia e, mais recentemente, artes. Tem como áreas de interesse acadêmico: Arte Contemporânea, História da Arte, Filosofia e Novas Tecnologias. Atualmente desenvolve pesquisas em instalações multimídia e arte sonora.

Playlist:

Jon Concentino

JON CONCENTINO, também conhecido como MC JONZIN (abreviação de Missionário Contemporânea) é pedagogo de formação e artista por existência. É vocalista na Banda Recalque, DJ, produtor da festa BREGULA (inspirada em drag queens monstras) e coolhunter. Sua caça pelo novo também afeta sua produçao musical; o interesse pelo futuro-conceitual e a possibilidade de acesso à internet, torna a sua busca por novos hits um trabalho-divertido. No início da sua carreira como DJ, viu nos mashups um bom caminho a experimentar. Sua relação com a música muda diariamente. Em 2017, Jonzin começou a aventurar-se no mundo dos podcasts.

Playlist:

Biophillick

BIOPHILLICK é arquiteto e artista multimídia mexicano, atualmente residindo em Brasília.Trabalha dentro de um universo conceitual, explorando temas como futurismo e corporalidade; o ambiente sonoro de suas criações é imersivo, cheio de texturas, seres mágicos e rituais místicos de outros mundos.

Playlist: